Instituto do Câncer realiza cerimônia de colação de grau dos residentes médicos

No dia 19 de fevereiro, aconteceu a cerimônia de colação de grau dos formandos da turma de Residência Médica em Oncologia Clínica, Radioterapia e Física Médica. Ao todo, formaram-se 21 residentes.

O início da cerimônia foi marcado pela fala de abertura do Professor Titular da Disciplina de Oncologia Clínica do Departamento de Radiologia e Oncologia da FMUSP, Prof. Dr. Paulo Hoff, que relembrou o início do Programa de Residência Médica na Instituição e destacou a importância da celebração ao final do aprendizado, pois marca o processo de construção de uma carreira.

“É emocionante ver esses colegas, que chegaram aqui com bastante entusiasmo e sede de conhecimento, tornando-se profissionais preparados para atuar no enfrentamento do câncer, problema bastante relevante na sociedade. A Residência em Oncologia Clínica do Icesp é a melhor da América Latina, estamos entre as dez melhores instituições na ASCO há muito tempo. Lembrem-se sempre que este Instituto é a casa de vocês, pois temos muito orgulho de vê-los brilhando no Brasil a fora”, destacou o Prof. Dr. Paulo Hoff.

Entrega dos diplomas e as mensagens dos representantes de cada turma

A entrega dos canudos aos formandos da turma de Radioterapia foi realizada pela coordenadora do Programa de Residência Médica em Radioterapia, Profa. Dra. Rosangela Correa Villar, seguida pela fala do representante da turma, Dr. Cauã Beringher Soares. Na ocasião, ele homenageou o preceptor do curso, o Dr. Victor Hugo Maia Valois Costa, e agradeceu aos mestres por todo conhecimento.

“A instituição nos deu o conhecimento técnico que precisávamos, mas também nos deu uma família. Muito obrigada, esperamos ser bons radio-oncologistas sempre”, agradeceu Dr. Cauã.

Após, foram entregues os diplomas da turma de Física Médica pelo coordenador do Programa de Residência em Física Médica da FMUSP, Prof. Dr. Eduardo Weltman. Em seguida, a representante da turma, Dra. Luana Scherma, relembrou toda a jornada de aprendizado em seu discurso.

“Independente das adversidades, nunca nos deixamos sozinhos. Superamos os desafios, aprendemos e crescemos juntos. Só temos a agradecer por toda dedicação, paciência, orientação, acolhimento e suporte para nos tornar bons físicos. Vocês são nossos exemplos e inspiração”, destacou a Dra. Luana.

Por fim, a entrega dos canudos aos formandos da turma de Oncologia Clínica, foi realizada pelo Prof. Dr. Paulo Hoff em conjunto com a coordenadora do Programa de Residência Médica em Oncologia Clínica, Dra. Milena Mak. Ao final, o representante da turma, Dr. Arthur de Ávila Machado Modesto, recitou o poema “O prazer de servir” de Gabriela Mistral.

“Estamos fechando um livro hoje, terminamos a Residência. Em nossa primeira formatura como médicos juramos solenemente consagrar a nossa vida a serviço da humanidade. Que continuemos a honrar este juramento servindo as pessoas e ao Sistema Único de Saúde, obrigada”, finalizou Dr. Arthur.

Homenageados

Tradicionalmente, a cerimônia conta com homenagens por parte do Programa de Residência Médica em Oncologia Clínica. Este ano, foram eleitos como Assistente Médico do Ano e Residente do Ano, o Dr. Gabriel Yoshiyuki Watarai e a Dra. Maristela Cesar Freire, respectivamente.

A fala de encerramento foi realizada pelo chefe de gabinete da FMUSP e coordenador do centro de investigação translacional em oncologia (CTO) do Icesp, Prof. Dr. Roger Chammas, que na ocasião também estava representando a Diretora da FMUSP, Profa. Dra. Eloísa Bonfá.

“Este momento é a certeza de que estamos no caminho certo. Construímos uma Instituição que acolhe seus colaboradores ao mesmo tempo em que provê condições para o desenvolvimento técnico. Ao longo destes três anos, vocês viveram uma experiência que os irá marcar pro resto de suas vidas. Me sinto honrado em estar aqui, parabéns a todos por esta cerimônia e sucesso na carreira de vocês”, destacou o Prof. Dr. Roger.

O evento também contou com a presença de outras autoridades, como: o vice-diretor clínico do HCFMUSP, Prof. Dr. José Antonio Sanches Jr., representando o diretor clínico do HCFMUSP, Prof. Dr. Edivaldo Massazo Utiyama; a diretora de corpo clínico do Icesp, Profa. Dra. Maria Del Pilar Estevez Diz; o coordenador geral da COREME da FMUSP, Prof. Dr. Alfredo Inácio Fiorelli; e a Sra. Vice Cônsul de Angola, Adelaide Jorge.

Aconteceu no Icesp

Two general practitioners analyzing medical reports at doctor's office
Icesp promove Capacitação Técnica em Monitorização Hemodinâmica e Manejo de exames laboratoriais e de imagem em Pacientes Críticos
A124 - Centro de Reabilitação - CARF_linkedin
Serviço de Reabilitação do Icesp recebe selo de reacreditação da Commission on Accreditation of Rehabilitation Facilities (CARF)
capa
Instituto do Câncer promove ação na Avenida Paulista para campanha de conscientização sobre o HPV
240219 - Colação de grau - Residentes da Oncologia Clínica, Radi ( (575)
Instituto do Câncer realiza cerimônia de colação de grau dos residentes médicos
240219 - Inauguração do Centro de Estudos e Tecnologias Convergentes para Oncolo (23)
Icesp promove inauguração do Centro de Estudos e Tecnologias Convergentes para Oncologia de Precisão da USP (C2PO)
231218 - Lançamento do Livro Mar de Rosas (5)
Mar de rosas: Icesp promove lançamento do livro com relatos de integrantes do Programa Remama
Feed_cuidados_paliativos_enfase_ocnologia_adulto_01 (1)
Inscrições abertas: Especialização Multiprofissional em Cuidados Paliativos com Ênfase em Oncologia no Adulto
Feed_Radioterapia-para-formação-de-dosimetristas_01 (1)
Inscrições abertas: Especialização em Radioterapia para Formação de Dosimetristas
DCIM100MEDIADJI_0125
Instituto do Câncer realiza 7ª edição da Icesp Run

É o tratamento que utiliza iodo radioativo (Iodo-131) para o controle dos carcinomas diferenciados da glândula tireoide.

O objetivo é combater às células cancerígenas que ainda restaram na tireoide após a cirurgia (tireoidectomia) ou metástases, sendo destruídas através da radiação emitida pelo iodo.

Os pacientes recebem orientação para realização de uma dieta pobre em iodo, no período que antecede a internação, através do nutricionista ambulatorial. Evitam o consumo de sal iodado, sal marinho e alimentos salgados, pois são fontes de iodo.

O que você deve fazer:

• Enxágue a boca com água pura antes das refeições ou faça bochechos com chá de camomila antes das refeições.
• Experimente balas azedas e/ou ácidas ou gotas de limão (30 gotas em 1 copo de 200ml) ou gelatina de limão (caso não apresente feridas na boca).
• Use temperos naturais em maior quantidade, como: manjericão, orégano, salsinha, hortelã, alecrim, coentro, por exemplo.
• Substitua os talheres de metal pelos de plástico, caso sinta sabor residual metálico.
• Mantenha boa higiene bucal.

O que você deve evitar:

• Consumir alimentos muito quentes ou muito gelados.

O que você deve fazer:

• Preparar sua refeição na consistência que for mais bem tolerada, que ofereça menor dificuldade para mastigar ou engolir, podendo variar entre branda, pastosa ou líquida (conforme avaliação da fonoaudióloga).
• Tomar pequenos goles de água ou suco durante as refeições podem ajudar a engolir.
• Faça as refeições em pequenas quantidades, várias vezes ao dia.

O que você deve fazer:

• Consuma alimentos macios e pastosos.
• Prefira alimentos gelados ou à temperatura ambiente.
• Se necessário, utilize alimentos líquidos ou liquidificados.

O que você deve evitar:

• Alimentos ácidos, picantes ou muito salgados.
• Alimentos muito quentes.

O que você deve fazer:

• Prepare as refeições com caldos ou molhos. 
• Se não houver feridas na boca, chupe balas azedas e/ou ácidas, picolés ou gelo e mastigue chicletes (de preferência sabor menta), que podem ajudar a produzir mais saliva.
• Consumir líquidos em abundância: chás, sucos diluídos e, principalmente, água.

O que você deve evitar:

• Comer alimentos secos.

O que você deve fazer:

• Consuma líquidos em abundância (chás, sucos diluídos e principalmente água).
• Prefira frutas laxativas: ameixa, laranja, mamão, abacate, ameixa seca, manga, banana nanica.
• Consuma as frutas com casca e bagaço, quando possível.
• Consuma preferencialmente hortaliças cruas (legumes e verduras).
• Consuma farelo de cereais (arroz, aveia ou trigo).
• Consuma produtos integrais (arroz, pães e torradas).
• Consuma leguminosas regularmente (ervilha, feijão, grão de bico, lentilha, soja, por exemplo).
• Consuma leite e derivados: iogurte, leite fermentado, mingau de aveia.

O que você deve evitar:

• Alimentos constipantes, como ricota fresca, queijo branco, sagu, tapioca, maisena, banana prata, banana maçã, pera, goiaba e maçã sem casca e sem sementes, caju.

O que você deve fazer:

• Consuma líquidos em abundância: chás, sucos coados e principalmente água.
• Procure ingerir alimentos como batatas, chuchu, cenoura cozida, aipim, inhame, cará, creme de arroz, arroz, macarrão com molho caseiro coado, farinhas, torradas, biscoito água e sal ou de maisena, carnes grelhadas (frango, peixe ou boi).
• Prefira sucos de frutas coados: limonada, caju, maçã e laranja sem açúcar.
• Prefira leite de soja.
• Consuma as frutas: banana-maçã, maçã e pera sem casca, goiaba sem casca e semente, caju.
• Consuma apenas o caldo de leguminosas (feijão, ervilha, lentilha, grão de bico). 

O que você deve evitar:

• Leite e derivados. 
• Alimentos gordurosos (manteiga, toucinho, banha, creme de leite, por exemplo).
• Frutas cruas em geral.
• Frutas e sementes oleaginosas (abacate, coco, nozes, amêndoas, amendoim, castanhas). 
• Condimentos picantes (páprica, pimenta, mostarda, ketchup, por exemplo).
• Conservas em geral (picles, azeitona, palmito, aspargos, milho e ervilha).
• Embutidos (salsicha, linguiça, presunto, salame, mortadela, por exemplo). 
• Leguminosas (feijão, ervilha, lentilha, grão de bico).
• Hortaliças cruas: legumes e verduras folhosas.
• Alimentos que causam flatulência (gases), como couve-flor, brócolis, repolho e ovo.

O que você deve fazer:

• Prefira alimentos gelados ou em temperatura ambiente.
• Faça pequenas refeições em menor intervalo de tempo.
• Coma devagar e mastigue bem os alimentos.
• Beba sucos ou chupe gelo ou picolé de frutas cítricas, como limão (se não estiver com feridas na boca) nos intervalos das refeições.
• Realize suas refeições em lugares bem arejados.

O que você deve evitar:

•Frituras e alimentos gordurosos.
•Doces concentrados, como compotas, goiabada, marmelada.
•Condimentos fortes (pimenta, ketchup, mostarda, molho inglês, por exemplo).
•Deitar-se após as refeições.
•Ficar próximo à cozinha durante o preparo das refeições. 

Banco Santander 033

Agência 0201

Conta Corrente 13-005061-5

Fundação Faculdade de Medicina/ICESP

CNPJ 56.577.059/0006-06

Pular para o conteúdo
Faça a sua doação